O que você não pode deixar de fazer na Baía de Guanabara – RJ

Uma vasta entrada oceânica flanqueada pelos picos iminentes do Pão de Açúcar e o Sonho do Papagaio, contornada com mais de 100 ilhas, a Baía de Guanabara disponibiliza um cenário dramático e incrível para a bela Rio de Janeiro.

Com mais de 400 quilômetros quadrados, a Baía de Guanabara é a segunda maior baía dentro do Brasil, abrigando as cidades de São Gonçalo e Niterói, além do Porto do Rio e dois aeroportos distintos da cidade.

Essa paisagem icônica foi imortalizada em inúmeros cartões postais, e hoje acolhe vários visitantes que querem explorar seus pontos turísticos, desde um cruzeiro de barco do porto, até aproveitando bairros como Flamengo, Botafogo, Urca, Lapa, Santa Tereza e praias diversas.

Onde fica a Baía de Guanabara?

A Baía de Guanabara está localizada ao largo do Oceano Atlântico, se estende para o interior da cidade do Rio de Janeiro e pode ser explorada de barco a partir do principal porto da cidade.

As ilhas do Fundão e Governador e a cidade de Niterói também estão conectadas através de pontes rodoviárias para o Rio de Janeiro, e as balsas de passageiros atravessam regularmente a baía para Niterói e a Ilha de Paquetá.

Os 5 lugares que você não pode deixar de ir na Baía de Guanabara

  1. Pão de Açúcar

Com 400 metros acima da foz da Baía de Guanabara, a montanha do Pão de Açúcar é um monólito de quartzo e granito que os visitantes podem conhecer através de um teleférico de parede de vidro conhecido como “bondinho”.

O bondinho parte a cada 20 minutos da base da colina de Babilônia e sobe ao topo do morro da Urca. A partir daí os visitantes podem pegar um segundo bondinho até o cume da montanha.

  1. Tour de canoagem no Pão de Açúcar

Canoe através da Baía de Guanabara nesta eco aventura de 4 horas do Rio de Janeiro. Com um guia de aventura experiente, explore o litoral do Rio, incluindo ilhas, praias, florestas tropicais e o Pão de Açúcar.

Reme até Praia de Fora, onde você vai nadar e algum tempo para relaxar. Veja as belas vistas da baía – incluindo o Monte de Pão de Açúcar e o horizonte do Rio – da cabeça da água para a Praia Fora e dê uma pausa para nadar.

  1. Teatro Municipal

Localizado no centro da cidade, o Teatro Municipal do Rio de Janeiro é a principal ópera do Rio. Primeiro construído no início do século XX, este é um edifício neoclássico lindo que possui espelhos dourados, colunas de mármore e escadas de ônix verde.

Muitos consideram este edifício, que foi inspirado pela Ópera de Paris de Charles Garnier, um dos mais belos do país, e se você tiver uma chance, tente assistir a uma performance dentro dele.

Mas mesmo que você não tenha tempo ou não consiga bilhetes para ver um show neste edifício, certifique-se de desfrutar de uma visita guiada a este teatro pródigo.

  1. Escadaria Selarón

Essa escadaria está localizada na Lapa e Santa Tereza, e é um mosaico gigantesco das obras de arte do artista plástico chileno Jorge Selarón, que começou a decoração nos anos 90.

Foi um trabalho contínuo e vários recursos próprios para deixar um belo presenta para a cidade, são 250 degraus totalmente transformados em um monumento icônico do estado carioca.

  1. Parque das Ruínas

Esse parque fica localizado no terreno do casarão que já recebeu visitas ilustres como Villa Lobos e a famosa dançarina Isadora Duncan, no século 20.

Hoje em dia ele foi recuperado, e é um espaço totalmente dedicado as atividades culturais, contendo uma vista incrível do Rio e da Baía de Guanabara.

A Baía de Guanabara, mesmo sendo um espaço bem poluído, ainda oferece excelentes opções turística para os visitantes da cidade maravilhosa, completando um guia de viagem incrível para quem deseja conhecer a fundo o Rio de Janeiro.

Se você gostou das dicas e pretende ir para o Rio na sua próxima viagem, não deixe de checar esses locais, e confira as passagens áreas mais baratas que selecionar para você ir até e Baía de Guanabara.

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Loading…

Comments

comments

Saiba tudo sobre Ipojuca – Pernambuco

Saiba tudo sobre Brusque